Cacoal - Esposa de integrante de facção criminosa é conduzida à delegacia por tráfico
Quarta, 14 de Junho de 2017 - Atualizado as 11h20min

A esposa de um integrante de uma facção crimininosa foi conduzida à delegacia por tráfico de drogas após a Polícia Militar (PM) cumprir um mandado de busca e apreensão, no começo desta semana, em Cacoal (RO). Conforme a polícia, a suspeita, que tem 16 anos, estava vendendo drogas para se sustentar e fortalecer a organização criminosa.

Segundo boletim de ocorrência, a detenção da menor ocorreu após os policiais se deslocaram até uma residência no Bairro Santo Antônio, onde a suposta infratora faria o comércio de entorpecentes.

Ao chegar no local eles não encontraram a menor, mas em contato com a proprietária da residência, que é sogra da garota, os policiais deram continuidade ao trabalho.

No quarto da adolescente os policiais encontraram três invólucros de maconha e duas munições intactas de calibre 38 sobre a cômoda, além de um caderno com anotações da contabilidade do tráfico feito pela infratora.

Na ocasião, os policiais tiveram a informação de que a menor havia se mudado para outro endereço. Eles continuaram fazendo diligências até que descobriram que a garota estava no mini presídio fazendo um cadastro para visitar o esposo, pois recentemente ambos foram detidos por tráfico.

Já no presídio os policiais foram informados pelos agentes que a menor havia se deslocado à delegacia para registrar um boletim por perder um documento pessoal.

Ao fazerem contato com ela na delegacia, os policiais a informaram sobre o mandado de busca e apreensão e questionaram sobre onde ela estava morando.

A garota informou o endereço e quando os policiais chegaram entraram em contato com a proprietária da casa, uma mulher de 25 anos, e ela tentou dificultar o trabalho da polícia.

No quarto da mulher de 25 anos foram encontrados uma sacola plástica com 12 invólucros de maconha e um rolo de papel filme utilizado para embalar a droga.

Todo o material apreendido e as duas envolvidas foram conduzidas à Delegacia de Polícia Civil de Cacoal. Ainda segundo consta no boletim, as duas mulheres são esposas de apenados, sendo que a menor é casada com o integrante de uma facção criminosa e estaria vendendo drogas a pedido da mesma.

  • Fonte: G1
Publicidade
loading... Carregando conteúdo...

Digite aqui seus comentários.

Reload the CAPTCHA codeSpeak the CAPTCHA code
 
Publicidade