Home Educação Depois de vencer o crime, a droga e melhorar a qualidade do ensino, ex-colégio Manaus agora será “Escola D. Pedro II”

Depois de vencer o crime, a droga e melhorar a qualidade do ensino, ex-colégio Manaus agora será “Escola D. Pedro II”

por Redação

Sem qualquer alusão depreciativa, até 2017 a Escola Manaus, localizada no bairro Tucumanzal e na região do Roque, em plena zona urbana de Porto Velho, era o que se podia chamar de um dos “patinhos feios” do sistema de Educação, tantas eram as denúncias de violência, de ameaças, inclusive a professores, de invasões, em meio a uma região com alto consumo e tráfico de drogas.

Naquele ano o governador Confúcio Moura implantou ali a unidade VII do Colégio Militar Tiradentes e isso, como dizem moradores da região, fez com que houvesse uma mudança “da água para o vinho”. Agora, conforme o secretário de Educação, Swuamy Vivecananda, está sendo preparada uma nova mudança, passando a ser unidade “D. Pedro II”, dependendo essa mudança ainda dos chamados “detalhes burocráticos”, o que inclui mudança de titulação e autorização do Conselho Estadual de Educação.

Administrada pelo Corpo de Bombeiros, cujo patrono é o imperador Dom Pedro II, a Unidade VII do CTPM, atualmente gerida pela tenente-coronel BM Daniele Cristina Lima Ferreira, desde a implantação vem superando todas as mazelas que aconteciam antes. E a mudança realmente aconteceu, como disseram moradores da região em matéria publicada ano passado pelo expressaorondonia.com.br (*).

A tenente-coronel Cristina é a terceira oficial bombeiro a assumir a escola, em julho do ano passado, mas disse que os relatos de funcionários, professores e pais de alunos sobre a situação até quando passou à responsabilidade da corporação sempre são de situações muito difíceis.

Funcionando em três turnos, a futura Escola Dom Pedro II tem estudantes de diversos graus, desde o fundamental I até ensino Médio, durante o dia e, à noite, o sistema Educação de Jovens e Adultos, EJA.

LEIA TAMBÉM:

Do inferno ao céu: no entorno do ex-colégio Manaus, agora Tiradentes VII, “até o ar melhorou por aqui’, diz morador, celebrando a paz

Related Articles

Deixe um comentário