Home Destaques Donativos da Campanha SOS.RO socorrem comunidade rural em Porto Velho

Donativos da Campanha SOS.RO socorrem comunidade rural em Porto Velho

por Redação

PORTO VELHO – Os moradores do setor chacareiro de Porto Velho foram contemplados com 50 cestas básicas captadas pela Campanha “SOS.RO: juntos, somos mais fortes”. A distribuição dos alimentos aconteceu na sede social da Associação dos Chacareiros e Produtores de Hortifrutigranjeiros Boa Safra. A entrega seguiu os protocolos de segurança exigidos pelas autoridades sanitárias.

De acordo com a Associação Boa Safra, o setor chacareiro corresponde a 25% de toda a produção de hortaliças da capital, mas a propagação do coronavírus em Rondônia levou os trabalhadores rurais a paralisarem a produção. A falta de circulação da moeda deixou os trabalhadores sem renda e desempregados. “As cestas básicas vieram em boa hora, mesmo para o pessoal que trabalha na agricultura porque infelizmente não há vendas na cidade e por isso o produtor não tem como colocar o funcionário para trabalhar. Com essa pandemia, as famílias tem que ficar em casa e não podem produzir, então vai tirar o sustento de onde? Essas cestas vieram para nos ajudar”, explica o presidente da Associação Boa Safra, Messias Lima.

Todas as comunidades atendidas nesta etapa de distribuição dos alimentos estão localizadas em doze linhas que compõem o setor chacareiro de Porto Velho, entre elas: Santa Terezinha, Travessão, Santarém, Afonso Brasil, Pé de Cedro, Tereré, Travessão do Tobias, Travessão do São Francisco e Raimundo Cantuária. “A diretoria da Associação fez o levantamento das pessoas que realmente estavam com necessidade devido a essa epidemia. Nós fomos de casa em casa para conversar com as pessoas e ver quais eram as que possuíam os maiores problemas. Identificamos pessoas desempregadas, autônomas e aqueles que trabalham com diárias ou perderam o emprego”, justifica Messias.

A distribuição dos alimentos foi feita com intervalos de 20 minutos entre uma família e outra para fazer a retirada das cestas, tal medida foi adotada para evitar aglomerações – uma das principais preocupações dos infectologistas para impedir a propagação do vírus. A Associação Boa Safra foi fundada em 2004 com o objetivo de defender o homem do campo e produtores rurais de todo o Estado de Rondônia. A instituição promove cursos profissionalizantes gratuitamente, são capacitações que vão do corte e costura até a operação de máquinas pesadas. No ano passado, cerca de 400 trabalhadores foram capacitados pelos cursos ministrados pela Associação, incluindo produtores dos distritos da Ponta do Abunã, Rio Pardo e Penha.

A Associação dos Membros da Defensoria Pública (Amdepro) é uma das idealizadoras da Campanha “SOS.RO: juntos, somos mais fortes” ao lado da Associação dos Magistrados do Estado de Rondônia (Ameron), Associação dos Membros do Ministério Público (Ampro) e Tribunal de Contas Estadual.

As doações podem ser entregues na sede social da Associação dos Membros do Ministério Público (AMPRO) que fica localizada na Rua Itália, 2263, Ipase Novo. E ainda no SESC Esplanada situado na Avenida Presidente Dutra, 4175, Olaria. Ou se ainda preferir fazer a doação sem sair de casa, pode realizar depósitos na conta: ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS DO ESTADO DE RONDÔNIA – AMERON, CNPJ: 04.917.407/0001-39, Banco Sicoob (756), Agência: 3325, Conta Corrente: 61.580-3.

 

 

 

Fonte: Assessoria de Comunicação – Ameron

Related Articles

Deixe um comentário