Home Saúde Dose de reforço da Pfizer aumenta proteção em até 6 vezes, diz estudo

Dose de reforço da Pfizer aumenta proteção em até 6 vezes, diz estudo

por lucas

A aplicação da terceira dose da vacina da Pfizer/BioNTech contra a Covid-19aumentou em até seis vezes a proteção contra a forma grave da doença em pessoas com mais de 60 anos em Israel, em comparação com o esquema em duas doses, segundo um estudo divulgado pelo Ministério da Saúde do país neste domingo (22/8).

Em 10 dias após a injeção de reforço, a proteção dos idosos contra infecções foi quatro vezes maior do que a observada após a segunda, de acordo com os dados estatísticos dos institutos de pesquisa em saúde e epidemiologia Gertner e KI. Quando observados os casos graves e internações, a proteção após a terceira dose foi de cinco a seis vezes maior.

O aumento dos casos relacionados à variante Delta do novo coronavírus, identificada pela primeira vez na Índia, fez com que o governo de Israel antecipasse para 30 de julho a aplicação da terceira dose na população com mais 60 anos, considerada mais vulnerável à infecção do vírus Sars-CoV-2.

Desde a última quinta-feira (19/8), pessoas com mais de 40 anos, mulheres grávidas, professores e profissionais de saúde mais jovens também, e que tenham tomado a segunda dose no intervalo mínimo de cinco meses, também têm direito ao reforço.

Por: diariodaamazonia

Related Articles

Deixe um comentário