Home Destaques I Seminário de Sustentabilidade da Ecoliga: a programação desta terça destaca “Acessibilidade e Inclusão na Administração Pública”

I Seminário de Sustentabilidade da Ecoliga: a programação desta terça destaca “Acessibilidade e Inclusão na Administração Pública”

por carlos

BRASIL – No mês do meio ambiente, o Tribunal de Justiça de Rondônia, como integrante da Ecoliga Rondônia, organiza, com os seus parceiros, o I Seminário de Sustentabilidade, com encontros semanais, sempre com temas relevantes. Nesta terça-feira, dia 22, o tema será a dimensão social, com foco na inclusão, acessibilidade e em políticas institucionais de combate à discriminação. 

Às 10h, na mesa Acessibilidade e Inclusão na Administração Pública, os palestrantes são Marcos Weiss Bliacheris, advogado da União, especialista em Direito do Estado pela UFRGS, mestrando em Ambiente e Sustentabilidade na UERGS; Maria Aparecida Gugel, vice-procuradora geral do trabalho e vice-presidente da Associação Nacional de Membros do Ministérios Público de Defesa dos Direitos dos Idosos e Pessoas com Deficiência – AMPID;   e Ronaldo Pontes Moura, servidor do Tribunal Regional Eleitoral de Rondônia, graduado em administração pública e mestre em administração.

Já às 11h30, a boa prática “Política Interinstitucional de equidade de gênero, raça e diversidade” será compartilhada por Maiara Ribeiro de Moraes, coordenadora do Núcleo de Acessibilidade, Inclusão e Gestão Socioambiental (Nages) do Tribunal de Justiça do Estado de Rondônia e integrante do Projeto Aurora; Leandro Aparecido Fonseca Missiatto, doutorando em Psicologia Clínica, mestre em Psicologia, psicólogo de orientação Fenomenológica-Existencial, analista processual em Psicologia di TJRO, e Lucas Barbosa Brum,  especialista em governança pública, governabilidade e accountability, secretário de gestão estratégica do TRT da 14ª Região

O seminário tem como intuito integrar a Administração Pública ao promover a abertura efetiva de diálogos interinstitucionais, compartilhar conhecimentos e fomentar a movimentação sinérgica, em rede, da sustentabilidade no âmbito de Rondônia. Nos cinco encontros, temas como agenda ambiental na administração pública, acessibilidade e inclusão, sustentabilidade como instrumento de eficiência e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável serão debatidos por membros das instituições que compõem a Ecoliga e especialistas nacionais, com ampla experiência no assunto.

Criada em 2017, a Ecoliga-Rondônia visa compartilhar boas práticas sobre ações organizacionais voltadas para a sustentabilidade, dentre as quais compras compartilhadas, logística, destinação adequada de resíduos e ações de capacitação. É composta pelos tribunais de Justiça e Contas do Estado de Rondônia, Ministério Público do Estado de Rondônia, Procuradoria da República em Rondônia, Procuradoria Regional do Trabalho de Rondônia e Acre, Tribunal Regional Eleitoral, Tribunal Regional do Trabalho de Rondônia e Acre, Fundação Universidade Federal de Rondônia, Defensoria Pública da União e Seção Judiciária do Estado de Rondônia do Tribunal Regional Federal da 1ª Região.

 Clique aqui para asssistir ao seminário

Próximos Encontros

Encerrando o seminário, no dia 29-06, a economia e o futuro sustentável são centro das conversas. Veja a programação completa aqui.

O I Seminário de Sustentabilidade da ECOLIGA é um evento interinstitucional gratuito voltado a toda a sociedade. Diante da pandemia do novo coronavírus, o evento é realizado de forma virtual, com transmissão ao vivo pelo canal da Emeron, no YouTube, com certificação de 2 horas-aula para cada encontro, totalizando 10 h/a. As inscrições para o evento serão realizadas durante as transmissões.

O seminário dialoga com seis dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da Organização das Nações Unidas (ONU): 4: assegurar a educação inclusiva e equitativa e de qualidade, e promover oportunidades de aprendizagem ao longo da vida para todos e todas; 5: alcançar a igualdade de gênero e empoderar todas as mulheres e meninas; 10: Reduzir a desigualdade dentro dos países e entre eles; 13: Ação contra a Mudança Global do Clima; 16: Paz, Justiça e Instituições Eficazes, que busca promover sociedades pacíficas e inclusivas para o desenvolvimento sustentável, proporcionando o acesso à justiça para todos e construindo instituições responsáveis e inclusivas em todos os níveis, e 17: Parcerias e Meios de Implementação, fortalecendo e revitalizando a parceria global para o desenvolvimento sustentável.

Related Articles

Deixe um comentário