spot_img

Irmãos confessam que mataram rival por dívida de drogas

O corpo da vítima foi encontrado no dia 30 de janeiro, em uma mata na zona Leste da Capital.

PORTO VELHO – Cristiano S. M., de 21 anos, contou detalhes de como matou a tiros o desafeto Alex Araújo Martins, durante conversa com a imprensa na Delegacia de Homicídios, na manhã desta segunda-feira (16).

O corpo da vítima foi encontrado no dia 30 de janeiro deste ano, em uma mata na região do Monte das Oliveiras, bairro Planalto, zona Leste de Porto Velho.

Cristiano estava foragido pelo crime de roubo e foi preso na manhã desta segunda-feira (16), em uma residência no bairro Escola de Polícia, também na zona Leste. Ele contou que matou Alex que o devia droga e ainda estaria espalhando no bairro que ia matá-lo para não pagar a dívida.

Irmão confessou

Após o depoimento de Cristiano na Delegacia de Homicídios, Izaías O. J., de 18 anos, resolveu confessar que também participou do assassinato do jovem Alex Araújo Martins. Izaías também tinha sido preso nesta segunda-feira (16), por quebrar seu aparelho celular que continha provas sobre o crime.

Depois de ser interrogado na delegacia, Izaías confessou que matou Alex junto com o irmão. Os dois foram presos.

Eles conseguirem levar Alex para o matagal dizendo que iam fazer um assalto em um sítio naquelas proximidades, desta forma atraíram a vítima até lá e a executaram. O motivo seria por causa de uma dívida de drogas que a vítima tinha com eles.

Related Articles

DEIXE UMA RESPOTA

Entre com seu comentário novamente
Por favor, entre com o seu nome aqui

spot_img

Últimas notícias