Home Destaques JABÁ MOREIRA DENUNCIA PREFEITA POR CALÚNIA, INJÚRIA E DIFAMAÇÃO

JABÁ MOREIRA DENUNCIA PREFEITA POR CALÚNIA, INJÚRIA E DIFAMAÇÃO

por Redação

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Durante a última sessão ordinária da Câmara de Vereadores de Cacoal, Jabá Moreira usou a tribuna para falar sobre o seu trabalho e a forma como ele representa o povo de Cacoal. “Venho nesta tribuna de cabeça erguida e tranquilo de mais um ano ter cumprido minha obrigação, de ter feito aquilo que me propus a fazer que é trabalhar pela população de Cacoal. Eu não gostaria de ter enfrentado tudo o que enfrentei neste ano de 2019, mas fui capaz de enfrentar gigantes baseado na constituição federal, ou no regimento interno da câmara”, disse o vereador. Sobre os entraves que enfrentou neste ano de 2019 o vereador Jabá Moreira falou sobre sua ida a delegacia horas antes da sessão. “Acabei de sair da delegacia onde registrei uma ocorrência contra a prefeita deste município. Esta denúncia foi por injuria, difamação e calúnia. Ela teria falado numa coletiva de imprensa inverdades sobre eu ter ido na casa dela e feito propostas ou pedidos. Ela mostrou papéis com rascunhos assim como estes que eu achei em meus arquivos. Tenho dezenas iguais aquele que ela mostrou. Por que tem hora que colocamos um vereador como presidente, mas não forma chapa, ai colocamos outro, também não deu composição, enfim, e a interrogação nos nomes do Corá e Maria é que não confiávamos que daria certo. Isso é fácil de entender. Mas foram eleitos como presidente e vice da câmara e respeitamos a vontade dos pares”, disse Jabá. Sobre uma folha com a assinatura do vereador Jabá, ele explicou o que aconteceu. “A folha que tem minha assinatura vocês podem ver que o documento não está preenchido. Ela disse que eu teria pedido para ser o presidente, mas se eu de fato quisesse isso eu não teria preenchido o documento com o meu nome de proposta de nome para ser presidente? O formulário estava em branco conforme ela mesmo mostra e só com minha assinatura por que ela me pediu um voto de confiança e eu dei, assinei e deixei em branco para que ela e lhe disse que ela colocasse o nome da chapa e que iriamos caminhar junto pelo bem de Cacoal. Oras, se eu quisesse a presidência da Câmara eu não tinha entregado um requerimento em branco, eu teria colocado meu nome no local onde dizia presidente”, afirmou o vereador

Related Articles

Deixe um comentário